Tratamento não-cirúrgico da Hérnia de Disco

É indiscutível que alguns casos de hérnia de disco precisam de cirurgia, mas estudos mostram que estes representam apenas uma pequena parcela, algo em torno de 5% a 8% do total. Também já é comprovado que 70% das hérnias de disco são assintomáticas, ou seja, não apresentam dor, pois o corpo tem uma capacidade muito grande de se acomodar com as deformações provocadas na coluna.

Mesmo assim, uma parte considerável de pessoas com hérnia de disco continua sofrendo diariamente com dores persistentes, rigidez, formigamentos e dormências. Isso dificulta a realização das mais simples atividades cotidianas e está entre as principais causas de licença no trabalho.

Para que o tratamento conservador (não-cirúrgico) seja realmente efetivo, é preciso estar atento a algumas questões.

Primeiro, deve-se fazer o diagnóstico precocemente. Caso contrário, um quadro crônico se instala, podendo evoluir para um problema mais grave da hérnia, com perda de força e/ou sensibilidade.

O componente educacional e orientativo é outra chave para o bom resultado. Quando o médico dá ao paciente a informação detalhada sobre o seu problema, de acordo com suas preocupações e necessidades, e o orienta com clareza, possibilita que ele seja o protagonista do seu próprio tratamento, podendo decidir com calma e segurança.

O especialista deve esclarecer os fatores biomecânicos que provocam a degeneração do disco vertebral como sobrepeso, falta de alongamento muscular, movimentos repetitivos na coluna, carregar peso excessivo, entre outras coisas.

Por fim, não se deve tratar a hérnia de disco baseado somente nos exames de ressonância magnética, pois isso pode levar a uma indicação cirúrgica desnecessária. E caso a cirurgia seja realmente recomendada, podem ser indicados procedimentos minimamente invasivos, como bloqueios radiculares, utilização de radiofrequência ou cirurgia endoscópica.

A fisioterapia especializada e exercícios específicos podem favorecer a diminuição da dor e das tensões musculares, aumentando a mobilidade dos tecidos e melhorando a condição geral do paciente.

Se você deseja uma avaliação ou quer ter maiores informações sobre hérnia de disco, conte com a atenção médica da Ortopedia Durigan e seu especialista em cirurgia da coluna.

Cuidar faz parte do tratamento.

Dr. Fabio Antonio Vieira

Ortopedista CRM 150.455 TEOT 14.160

Especialista em Cirurgia da Coluna Membro do Grupo de Coluna da EPM / UNIFESP

Membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia

Mestrado em Ensino em Ciências da Saúde pela EPM / UNIFESP

Formado pela Escola Paulista de Medicina / UNIFESP

Agende uma consulta.

Leia também:

Busca por assunto
Busca por tema

ESPERAMOS SEU CONTATO

Atendimento de segunda à sexta das 9 às 20h e aos sábado das 8 às 12h

Alameda Santos, 122 Cj.303, Jardim Paulista São Paulo-SP

Estacionamento com vallet - acesso pela Rua Leôncio de Carvalho

ATENDIMENTO PARTICULAR / AUXILIAMOS O REEMBOLSO

ATENÇÃO MÉDICA DE ALTA QUALIDADE

AMBIENTE ACOLHEDOR 

LIGUE

 

11 3251 2806

11 3251 2773

11 97562 2033

 

  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle

Tags: ortopedista - clinica ortopedica - clinica de ortopedia - ortopedista sp - ortopedia sao paulo - clínicas ortopédicas em são paulo sp - clinica ortopedia - medico ortopedista - ortopedista particular - ortopedista em sao paulo - ortopedista que atende de sabado - ortopedista sabado - ortopedista na alameda santos - ortopedista no paraiso - ortopedista na paulista - ortopedista av paulista - ortopedia av paulista - ortopedista jardins - ortopedistas nos jardins - ortopedia perto da paulista - clínica de ortopedista próximo à av paulista

 Resp. Técnico: Dr. Jorge Rafael Durigan  CRM 121.245 TEOT 11.585